Sugestões de Gestão para o SUS Municipal de Novo Hamburgo Enfrentar a Pandemia pelo Coronavírus COVID-19 - Leandro Minozzo

Sugestões de Gestão para o SUS Municipal de Novo Hamburgo Enfrentar a Pandemia pelo Coronavírus COVID-19

Publicado em 16 de março de 2020 às 1:42am


1) Aumento da capacidade médica disponível rapidamente:
a. estender a validade de receitas médicas (para hipertensão, diabetes, Asma e psicofármacos) – cerca de 15% das consultas nos postos de saúde são para renovação de receitas e muitos idosos procuram as unidades apenas por esse motivo (a prefeitura faria o informe às unidades e às farmácias do programa Farmácia Popular);
b. adiar o “dia de estudo” semanal dos médicos do Programa Mais Médicos (eles trabalham 4 dias por semana e 1 dia é o dia do estudo, como são cerca de 30 profissionais, seria algo como 7 médicos a mais trabalhando);

2) Acesso ao principal exame para avaliar gravidade – TOMOGRAFIA DE TÓRAX – destacar 1 aparelho de tomografia computadorizada exclusivo para fazer os exames em pacientes infectados ou em investigação (muitas vezes é necessário fazer esse exame mais de 2 vezes em cada paciente); isso com uma logística amarrada, uso de máscaras e limpeza de superfícies, com ambulância específica da UPA até o Hospital e, o importante, médico radiologista que possa fazer o laudo em curto tempo;

3) Garantir máscaras e equipamentos de proteção para profissionais de saúde;

4) Garantir kits para que o Laboratório Municipal possa realizar exames importantes nessa infecção, como d-dímeros, ferritina, troponina, ou assegurar sua disponibilidade em parceria com laboratórios privados – suspender novamente os “check-ups” é uma medida pertinente nesse momento;

5) Garantir estoque suficiente de antibióticos específicos pois casos de infecções secundárias são grandes, além de medicações sintomáticas e produtos de limpeza, como álcool gel e em líquido;

6) Verificar a manutenção dos ventiladores mecânicos (equipamentos para respiração), com estoque mínimo de peças e profissionais técnicos de prontidão para consertos – são equipamentos que garantirão a sobrevivência dos pacientes;

7) Contratar fisioterapeutas para o Hospital Municipal em caráter emergencial, para a demanda aumentada de fisioterapia respiratória em pacientes na enfermaria e em UTI;

8) Criar estratégias para consultas em casa para idosos frágeis ou com mais de 75 anos, com equipe com proteção para não os infectar;

9) Cancelar as cirurgias eletivas;

10) Divulgar a necessidade de quarentena domiciliar para quem chegar de viagem do exterior ou contatos de pessoas que foram infectadas – talvez o próprio SUS local pode providenciar os comprovantes trabalhistas necessários, evitando que procurem assistência médica;

11) Incentivar a vacinação da gripe para os 100% dos idosos, em especial daqueles com mais de 70 anos;

12) Acompanhamento de saúde de pacientes hipertensos e diabéticos podendo ser feito pelo telefone, com as medicações podendo ser levadas em casa pelos Agentes Comunitários de Saúde – intensificar o acompanhamento de idosos antes do pico no número de casos;

13) Decretar Situação de Emergência para que compras e contratos possam ser feitos com maior celeridade, resguardando os administradores do município e da Fundação de Saúde e auxiliando-os a dar melhor assistência nessa crise – inclusive recursos financeiros de outras pastas poderão ser utilizados na Saúde de maneira justificada;

14) Monitorar ativamente o estado de saúde dos profissionais do SUS, garantido a eles assistência específica e rápida, com testagem, e evitando que sejam transmissores do vírus;

15) Criar mecanismos permanentes de proteção e escuta dos profissionais da saúde;

16) Estimular que empregadores adotem medidas de proteção aos funcionários;

17) Contrato emergencial de profissionais de higienização, que trabalhem protegidos e possam atuar em nas unidades de saúde.

Precisamos defender o SUS Sempre!

Leandro Minozzo,
Médico, geriatra, professor do Curso de Medicina da Univ. FEEVALE
Ex-Diretor-presidente da Fundação de Saúde Pública de Novo Hamburgo-RS
CREMERS 32053

Novo Hamburgo- RS | Rua Nações Unidas, 2475 sala 203 - Bairro Rio Branco – Tel. (51) 3035 1240 ou (51) 9818 2595 | leandrominozzo@gmail.com

2015 - Todos os direitos Reservados